quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

trilho dos abutres



estive a assimilar durante uma semana e alguns dias o "épico" Trilho dos Abutres.

nem sei por onde começar... primeiro à saída de Lisboa o telémovel desligou-se e nunca mais deu sinal de vida... sem comentários.

às 9h cheguei a Miranda do Corvo. o nervosismo intensificou-se quando saí do carro. fui levantar o dorsal e o ambiente já estava ao rubro, muito pessoal, tudo equipado a rigor. voltei ao carro comi uma banana, coloquei a GoPro, a mochila e segui para o mercado. faltavam apenas 15 minutos.

às 10h deram a partida e lá segui toda entusiasmaa com a partida da mítica e épica prova de trail em Portugal, nem sonhava com o que iria encontrar.

nos 8 km memória cheia do relógio, fiquei sem controlo dos kms e ritmo. dores ao fundo das costas (problemas técnicos por ser mulher) os primeiros 10 kms foram uma conversa psicológica comigo a tentar contrariar tudo o que de mau me estava a acontecer. depois pensei... não pode ser... vais dar o teu melhor e chegar ao fim... vais aproveitar a prova!

e lá fui eu... a dureza foi extrema, trilhos escorregadios, subidas e descidas que nunca mais acabavam e no fim a festa de lama. mas foi uma prova espetacular, demorei 5 horas e 30 minutos e posso dizer que foi a melhor prova de trail que fiz até agora, pelos trilhos, dureza, variedade do percurso e pelo o espírito da prova.


no próximo ano quero voltar!









Sem comentários: