sexta-feira, 27 de novembro de 2015

exames



esses malditos...

quando num 4º ano do ensino básico se ensina a pensar nos resultados dos exames nacionais, ou quando as crianças de 7 anos andam três anos a treinar para os exames final de ciclo... algo vai mal no sistema educativo do país. 
 
 
o ensino tem de ser cada vez mais individualizado e cada vez mais se deve dar ênfase a todo o processo e não apenas ao resultado de um exame. os programas devem ser realistas, deve ser dado tempo para praticarem em sala de aula, porque cada aluno é um aluno e cada aluno tem um ritmo diferente.
 
é só impressão minha ou este artigo está muito fraco...
 
 
eu enquanto mãe estaria muito preocupada se a minha filha viesse para casa dizer que anda a treinar para os exames de 4ª ano. afinal as crianças andam na escola para quê? frequentam a escola dos 5 aos 9 anos para "treinarem" para terem uma "boa" nota final no exame (Português e Matemática). onde está o interesse pelos conteúdos, pelo gosto da aprendizagem, pela descoberta, pelo conhecimento... onde está a promoção da criatividade, onde estão os diferentes estímulos em diferentes áreas, tais como: expressão dramática, expressão físico-motora, ciências e algumas áreas de interesse das crianças.
 
o futuro de muitas crianças está comprometido com estas medidas na educação. é assustador saber que crianças de 6 anos passam o dia na escola, sentados numa secretária, com cada vez menos tempo de brincadeira, porque o importante é saber tudo já e agora. mais preocupante ainda são os pais destas crianças que acham que assim é que é. e que no fim do horário da escola passam para o ATL e continuam a fazer os TPC. estamos a comprometer o futuro destas crianças e o futuro de um país.
 
 
 
 
 
 
 
 
 




Sem comentários: